segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Índice de Seleção para Bovinos



      Como toda atividade produtiva deve ter como base a busca por resultados eficientes em termos produtivos, sobretudo em termos econômicos. Na pecuária de corte não pode ser diferente. O processo de produção precisa de ferramentas fundamentais como o Índice de Seleção Interno, que visa selecionar e produzir cada vez mais animais superiores que contribuam fixando características produtivas e reprodutivas e econômicas no rebanho. 



     O índice de seleção é uma ferramenta utilizada para selecionar várias características de interesse nos animais onde são avaliadas todas ao mesmo tempo, e de acordo com sua importância são atribuídos pesos (coeficiente de ponderação) a cada característica escolhida. Os touros são classificados com base no total de pontos alcançados para todas as características que se deseja trabalhar.




Exemplo

     Ao selecionarmos os machos em uma propriedade o índice de seleção a ser utilizado para melhorar a produção de carne e as características reprodutivas pode ser expressado com as seguintes características:

 

  

      

     No quadro acima utilizamos como exemplo as DEP´s de peso aos 210 dias e 365 dias de idade (P210 e P365), correspondentes as diferenças esperadas nos filho dos touros para efeito direto no peso aos 210 dias e 365 dias de idade, indicando a diferença de produção em quilogramas que se espera do animal. Mais a utilização da característica de perímetro escrotal aos 365 dias de idade (PE365) que é um preditor da habilidade de um touro em transmitir genes que melhorem em seus filhos a precocidade sexual e fertilidade. Estas características são de suma importância na seleção de bovinos de corte, devido possuírem correlações favoráveis que são expressas em fertilidade e precocidade sexual dos filhos.

    Economicamente o índice de seleção proporciona o aumento da produção de quilogramas de carne por hectare, em menor espaço de tempo e com menores custos. Dessa forma o pecuarista consegue desenvolver animais mais precoces, com ótimo ganho de peso em menor espaço de tempo, aumentando assim o capital de giro da propriedade através da disponibilidade de animais terminados mais cedo, a famosa pecuária de ciclo curto.

Postar um comentário